Notícias

TSE lança campanha nas redes sociais para acabar com os chamados mitos eleitorais

Por Agência Brasil , 18/06/2017 às 11:48
atualizado em: 18/06/2017 às 12:31

Texto:

Foto: Divulgação/TSE
Divulgação/TSE

Com o objetivo de esclarecer questões sobre o processo de votação, opções de voto e o resultado de uma eleição, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lança neste domingo em suas redes sociais a campanha Mitos Eleitorais. O primeiro tema a ser abordado na fanpage, no Facebook e no perfil do tribunal no Twitter será "Votar nulo anula uma eleição?".

A ideia da campanha, que será veiculada este mês e em julho, é desmistificar alguns temas e esclarecer o eleitor brasileiro. Para isso, foram criados nove vídeos de curta duração, animados, com infográficos para as redes sociais.

Os demais temas da campanha são "Voto em branco vai para quem está ganhando?", "Voto em branco é igual a voto nulo?", "É eleito sempre o candidato que possui mais votos?", "Quem não votou na última eleição não pode votar na próxima?", "Depois da eleição é possível saber em quem o eleitor votou?", "Quem é convocado para ser mesário, será convocado sempre?", "Ninguém pode ser preso no dia da eleição?" e "O eleitor pode votar usando a camiseta do seu partido?".

No Twitter do tribunal, o eleitor também pode participar de um jogo para testar seus conhecimentos.

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Palavra Aberta deste sábado debate polêmica entre taxistas e motoristas de aplicativos. Ouça e opine!… https://t.co/dPd2DmWmd1

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Inscrições para concurso na área da saúde de Contagem terminam domingo; salário pode chegar a R$ 5.846 -… https://t.co/mzwpgwakv5

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Palavra Aberta deste sábado debate polêmica entre taxistas e motoristas de aplicativos. Ouça e opine! http://bit.ly/2itHUqi

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Conselho de Medicina vai apurar morte de bebê que teve cabeça separada do corpo durante o parto - http://bit.ly/2yVTWyS

    Acessar Link